terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Em seu primeiro papel adulto, Dakota Fanning vive escândalo sexual do século 19 em "Effie"


A Inglaterra do século XIX está voltando às telas, com uma pitada de drama de século XXI nos bastidores: "Effie" narra a história do desastroso casamento entre o crítico de arte do século XIX, John Ruskin, e sua jovem esposa Effie Gray, vivida por Dakota Fanning, atualmente com 17 anos, em um de seus primeiros papéis adultos.
A união foi como um "descarrilamento de trem", que terminou depois que Effie se apaixonou escandalosamente pelo artista John Everett Millais. "É o casamento ruim supremo", diz Emma Thompson, atriz ganhadora do Oscar e roteirista do longa. Ela conta que foi atraída pela história devido à sua "qualidade arquétipica". "Por acaso é um drama de época, mas é possível fazer uma história com este tipo de complexidade e esquisitice em qualquer época", diz.
Apesar dos temores de que as acusações de plágio possam adiar a produção, as filmagens de "Effie" ocorreram no final de 2011 em Londres, Escócia, Veneza e em West Wycombe, que substitui a Academia Real de Londres em uma cena chave de festa. Os produtores esperam que o filme estreie em maio deste ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário